quinta-feira, 9 de março de 2017

PELA ADECE Vocação econômica dos municípios é fomentada



O Governo do Estado iniciou o Programa de Desenvolvimento Local na última terça-feira (7), na cidade de Cedro




No lançamento do PDL, Nicolle Barbosa, presidente da Adece, disse que o Programa busca fortalecer e descentralizar a economia do Estado

As vocações e potencialidades existentes nos municípios cearenses serão analisadas e exploradas de forma personalizada pelo Governo do Estado. Com o objetivo de promover o crescimento econômico a partir de cada localidade, o Programa de Desenvolvimento Local (PDL) deu pontapé inicial na última terça-feira (7), com a realização do Seminário de Planejamento e Gestão Estratégica da Prefeitura no município de Cedro, no Centro-Sul do Estado.

"O PDL foi pensado enquanto estive na presidência do Centro Industrial do Ceará (CIC) e agora, na presidência da Adece, podemos colocá-lo em prática. Isso vai dentro da ideia do governador Camilo Santana de fortalecer e descentralizar a economia do Estado, levando mais oportunidades a todas as regiões do Ceará. Recebi na Adece a visita do prefeito Nilson Diniz e estamos desenvolvendo o piloto do PDL em Cedro para proporcionar uma nova dinâmica à economia do município", explica a presidente da Agência de Desenvolvimento do Estado do Ceará (Adece), Nicolle Barbosa.

Curto e médio prazos

De acordo com ela, o programa consiste em, a partir do diagnóstico do município, levantar as potencialidades e vocações a serem conduzidas em um plano de ações de curto e médio prazos com o objetivo de alavancar a economia local. "Já estamos formatando com a equipe do Sebrae um modelo que será replicado em outras cidades. Além do plano em si, a Adece vai acompanhar a execução das ações", adianta Nicolle.

Realizado no Centro de Educação Profissional Ivens Dias Branco (Senac-Cedro), o seminário inicial teve duração de dois turnos e foi dividido em quatro momentos: abertura, com orientações e exposição dos principais indicadores socioeconômicos atuais; definição de identidade organizacional da gestão, visando a formatação de princípios norteadores do município; eleição de eixos estratégicos, com apresentação dos vetores de desenvolvimento a serem trabalhados pelo município; e formatação de estratégias, definindo ações político-administrativas que deverão ser empregadas na gestão. Após a realização do evento, uma agenda estratégica de desenvolvimento do Cedro deverá ser entregue em 30 dias.

Alternativas econômicas

Conforme o prefeito do Município, Nilson Diniz, esse é o momento de somar esforços da administração municipal com o Governo do Estado, por meio da Adece, com o intuito de encontrar novo caminho para o desenvolvimento econômico local.

"O grande desafio desses municípios pequenos é encontrar alternativas econômicas para a sua população. Aqui, temos vocação para a área da atividade primária, na pecuária e agricultura, onde vamos completar um século nos próximos quatro anos", afirmou Diniz.

"Porém, esse trabalho da Adece vai descobrir, junto conosco, outras alternativas para direcionarmos ao município uma visão de futuro. Precisamos redescobrir outro momento. A Adece está contribuindo com uma discussão produtiva e proativa para o município de Cedro. Acreditamos que, com o apoio do Governo do Estado, possamos trazer empreendimentos que possam ter empregos formais e motivar nossa economia alavancando nossos índices", completou o prefeito do município escolhido para servir de piloto do projeto capitaneado pela Adece.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Realizada em Campos Sales e Salitre, IV SEMANA DA MATEMÁTICA DA URCA

De 12 a 14 de dezembro, a unidade da URCA de Campos Sales, realizou a IV SEMANA DA MATEMÁTICA DA URCA, com o tema: A MATEMÁTIC...