segunda-feira, 1 de fevereiro de 2016

Campos Sales pode ter mais um radialista como candidato a vereador em 2016


Radialista, Carlos Alberto Albuquerque, anunciou nas redes sociais que deseja, organizar um partido independente, e tentar assim, colocar seu nome à disposição do julgamento popular, nas eleições deste ano.
Ainda de forma embrionária, ele busca pessoas que queiram ser aliadas nesta iniciativa, para formação de um diretório partidário.
A princípio, ele apreciou duas possibilidades: PV e PcdoB, mas optou por uma terceira via e já está em processo de filiação no Partido NOVO, fundado em 2006, no Rio de Janeiro, para viabilizar ou não, a possibilidade de uma candidatura independente, que buscará ser objetva e direta, buscando nos eleitores, o apoio necessário para viabilização desta idéia.
Carlos Alberto, deseja conversar e mostrar, no momento ideal, um programa de compromissos coletivo, que passa pela moralização deste cargo eletivo tão importante para municipalidade, mas que no Brasil, tem sido, salvo algumas exceções, usado como moeda de troca entre quem exerce a função e os gestores municipais, sem nenhum respeito ao eleitor, e por conseguinte, não prestando os serviços para os quais o eleitor vota e deposita confiança, naquele que ajuda a eleger.
Radialista disse que, caso sua candidatura se concretize, pautará suas mensagens ao eleitor, no sentido de que ele entenda que não deve “vender” seu voto, diante de promessas de que receberá algum tipo de benefício pessoal. Carlos Alberto acredita que ainda é possível conquistar o eleitor pela honestidade e não pela prática velada da corrupção, onde o candidato, geralmente abastado, promete, peo voto recebido, qualquer beneficio pessoal a quem votar nele.
“Espero, caso Deus me permita encarar, mais esse desafio na vida, ser fiel aos princípios da moralidade politica, da ética e do compromisso social que o cargo sugere”.
Ainda no campo da possibilidade, Carlos Alberto Albuquerque afirmou que sua campanha, caso se concretize, será pautada na apresentação de soluções às causas que afligem a sociedade, e não no ataque fortuito aos seus possíveis adversários, entendendo que cabe ao Ministério Público investigar os crimes políticos e à justiça, o cumprimento da Lei.
Resta saber se o radialista conseguirá em tempo hábil, arregimentar simpatizantes à sua iniciativa e assim possibilitar sua candidatura. O tempo dirá.
Carlos Alberto Albuquerque, é radialista desde 1985, cratense, casado, pai de três filhos, tem 55 anos, e como ele mesmo diz, sem nenhum delito que infrinja a Lei Eleitoral, portanto, Ficha Limpa.


Por, Amauri Alencar – Jornalista.

Ramilson pronto para retomar Prefeitura de Aiuaba Ramilson Moraes quer voltar à prefeitura de Aiuaba (Foto: Flávio Pinto) O ex-prefeito de Aiuba, Ramilson Moraes vem forte neste ano. O aviso foi dado pelo próprio Ramilson a esse blog, no sábado (30), em Antonina do Norte. O ex-prefeito se diz decidido a retomar a administração municipal. Para isso, deu importante passo ao eleger para presidir a Câmara Municipal, o vereador Bento Feitosa, seu aliado político. A eleição da câmara ocorreu neste domingo (31), em clima de tranquilidade. Dessa forma, Ramilson mantém o controle da câmara municipal. Dos 11 vereadores do município, 9 votaram e Bento Feitosa obteve vitória tranquila por 8 a 1. O ex-prefeito afirmou ainda a esse blog, que nada impedirá sua volta ao poder municipal e que o povo está ao seu lado. Postado por flavio pinto

c

Ramilson Moraes quer voltar à prefeitura de Aiuaba (Foto: Flávio Pinto)

O ex-prefeito de Aiuba, Ramilson Moraes vem forte neste ano. O aviso foi dado pelo próprio Ramilson a esse blog, no sábado (30), em Antonina do Norte. O ex-prefeito se diz decidido a retomar a administração municipal. Para isso, deu importante passo ao eleger para presidir a Câmara Municipal, o vereador Bento Feitosa, seu aliado político.
A eleição da câmara ocorreu neste domingo (31), em clima de tranquilidade. Dessa forma, Ramilson mantém o controle da câmara municipal. Dos 11 vereadores do município, 9 votaram e Bento Feitosa obteve vitória tranquila por 8 a 1. O ex-prefeito afirmou ainda a esse blog, que nada impedirá sua volta ao poder municipal e que o povo está ao seu lado.

sexta-feira, 29 de janeiro de 2016

COLUNA DO CARLOS...
O QUE PENSO...
Olá amigos internautas. ..carnaval está chegando e somente depois do período momino, como é de costume, é que o Brasil volta a funcionar. Em todos os municípios brasileiros já há um clima de eleição no ar porque neste ano, serão escolhidos pelo voto popular, perfeitos e vereadores em todo país. Como a grande maioria dos municípios são pequenos, geralmente duas ou no máximo três correntes políticas disputam o poder e invariavelmente, salvo raríssimas excessoes, os nomes colocados como candidatos à prefeito, são empurrados de goela a baixo dos eleitores. ..geralmente são pessoas abastadas e que de livre e espontânea pressão, se colocam como as melhores opções dessas comunidades
..Não há consulta, não ouvem o povo, simplesmente se auto intitulam como os melhores. Sem transparência alguma, se tornam a verdade política e o eleitor vota obrigatoriamente, nesses ungidos pela vontade pessoal deles. .
Falando da realidade local, enxergo uma Campos Sales que não foge à estas regras escusas praticadas na calada da noite pelos que se acham 'donos' da vontade popular. ..vejamos o quadro atual:
Prováveis Candidatos:
Moesio Loiola, atual prefeito;
Solano Feitosa, vereador;
César Costa, ex-vereador;
Coronel Paulo Herman,
Costa Torres, ex-vereador;
Teresa Aguiar Martins, ex-primeira dama.
Esses são os nomes que ouço diariamente no 'fofocometro' local.
Queria saber de você internauta, se esses nomes são a representação da vontade popular e se alguém foi ouvido pra definição desse quadro?
Faço essas indagações porque entendo que política partidária é a forma legítima de se discutir democraticamente a escolha dos nossos representantes ..Não entendo porque não chamar o povo para está discussão. ..
A democracia possibilita que qualquer cidadão maior de idade, homem ou mulher, filiado a uma agremiação partidária e que não deva à justiça, possa colocar seu nome para a avaliação popular, pelo voto direto.
Seria interessante que o povo fosse previamente informado e consultado.
Nesse meu comentário, não estou pondo, nem tirando, todos sabem que assim é que deveria ser.
Como a realidade é outra e que transforma eleitor em mercadoria dos poderosos financeiramente, fica impossível que surja do povo, nomes que poderiam ser mais representativos e que representassem a verdadeira vontade livre e democrática, de mudança. ..
Gostaria de saber a sua opinião!
Comente!
Diga o que pensa!
Pior do que errar na vida, talvez seja ser omisso e portanto, conivente com o que é errado!
Tenho dito! Amém!

sexta-feira, 22 de janeiro de 2016

Jornada Pedagógica do Araripe


Caros colegas Professores da rede municipal de Ensino. A sua presença é de fundamental importância para a troca de experiências pedagógicas.
Abraço!
"A Educação de qualidade, como direito fundamental de todas as pessoas, tem como qualidades essenciais o respeito aos direitos, à equidade, à relevância e à pertinência e dois elementos de caráter operativo: a eficácia e a eficiência. "
- UNESCO -

quinta-feira, 21 de janeiro de 2016

Alô Sindicato dos Radialista - Mais um profissional é ameaçado de morte no exercício da profissão


Geninho prestou queixa em Tauá.

Mais um profissional de imprensa cearense é ameaçado de morte no exercício da profissão. Desta vez, a vítima foi o radialista Geninho Franco que atua na Rádio Nossa FM em Catarina, nos sertões dos Inhamuns.  foi ameaçado de morte e espancado por uma dupla armada, quando chegava  para trabalhar na emissora.
O comunicador , informou que   dois homens em uma moto, o derrubaram no chão, colocaram uma arma apontada na sua cabeça e o segundo meliante, começou a espancar o radialista.  Por alguns minutos, o comunicador afirma que passou momentos de terror, “ainda estou sem acreditar no que aconteceu, eles chegaram muito rápido, era como se conhecessem o meu roteiro diário e me colocaram numa situação que jamais poderia imaginar que pudesse acontecer em Catarina, me colocaram no chão, apontaram uma arma para a minha cabeça e levei socos, pontapés e não sei dizer como estou vivo neste momento”, disse o radialista.
Durante a ação o comunicador conseguiu se desvencilhar dos bandidos e fugiu do local, “ por sorte tinha alguns populares, onde pedi ajuda, entrei numa igreja e tive aa tenção das pessoas, mas é algo que jamais esquecerei”, destacou.
Geninho Franco disse que estava recebendo ameaças  nos últimos dias, ligações telefônicas que diziam para o radialista parar de fazer algumas reportagens e comentários na emissora que atua em Catarina.
O caso foi levado para a Delegacia Regional de Tauá e está sendo investigado, mas o comunicador não retornou aos trabalhos e atendendo um pedido da polícia, o radialista está escondido. “ Irei até o Ministério Público denunciar esta situação, não pode ficar impune e vamos utilizar todos os mecanismos para encontrar os dois que tentaram nos silenciar e os mandantes”, finalizou.
OUTRO CASO
Em dezembro passado, na cidade de Nova Olinda, no Cariri Oeste, outro profissional do rádio, Rondilson Silva, prestou B.O por ameaça de morte. O caso está sendo apurado na Delegacia Regional de Polícia Civil do Crato, mas até o momento sem nenhuma definição.
(Colaborou Amaury Alencar)

quarta-feira, 20 de janeiro de 2016

MALA 100 ALÇA DIA 31 DE JAN BALNEÁRIO DO GATUSO


Lançado Livro Sobre História do Riacho Grande-Araripe


Distrito Riacho Grande: a História Disponível também em e-book


O livro que conta a história do Distrito de Riacho Grande reúne fatos e dados do surgimento ao progresso desse lugarejo, hoje Distrito, localizado no município de Araripe, no Sul do Ceará. Apresenta várias informações como a localização e estrutura do distrito, aglomerados, serras e sítios que o compreende, estradas para locais vizinhos, área, população, fontes de renda e de água, eletricidade, aspectos no que tange à religião, economia, educação, política e saúde.
O leitor encontra nessa obra muitos registros dignos de admiração e curiosidade como a primeira missa, casa, escola, comerciante, e a pessoa de vida mais longa que já existiu no Riacho Grande, o planejamento e construção da Igreja São Francisco, entre outros relatos fantásticos.
Além de exemplares impressos disponíveis das bibliotecas escolares, os leitores também contam com a versão digital do livro, dando a oportunidade para o mundo apreciar esta raríssima obra.