sexta-feira, 10 de março de 2017

EDUCAÇÃO MEC anuncia mudanças no Enem e para Fies



Provas serão aplicadas em dois domingos seguidos, iniciando por redação, linguagens e ciências humanas


Clique para ampliar

Brasília. O Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) deste ano será aplicado em dois domingos, 5 e 12 de novembro, e terá a prova de redação já no primeiro dia do exame. Nos anos anteriores, as provas eram aplicadas sempre aos sábados e domingos, com ciências da natureza no primeiro dia e redação no segundo.

Agora, a ordem das provas será alterada. Neste ano, participantes devem iniciar o exame com as provas de redação, linguagens e ciências humanas. Em seguida, após uma semana, será a vez de matemática e ciências da natureza.

As medidas fazem parte de um conjunto de mudanças no Enem, anunciadas ontem pelo Ministério da Educação.

As alterações atendem ao resultado de uma consulta pública elaborada pela pasta neste ano, e que teve cerca de 600 mil contribuições. Inicialmente, o MEC estudava aplicar todas as provas do Enem em apenas um dia, por meio de computador. Resultado da consulta pública, no entanto, apontou maioria favorável a manter a aplicação das provas em papel, apenas com mudança no intervalo das provas.

Segundo o ministro da Educação, Mendonça Filho, a aplicação da prova em dois domingos deve beneficiar também os sabatistas, que até então precisavam esperar até cinco horas para iniciar as provas de sábado, às 19h.

Além das datas, o exame ainda terá outras alterações. Entre elas, está a distribuição de uma prova personalizada, que terá o nome e número de inscrição de cada participante impresso.

Com isso, não será mais preciso, por exemplo, escrever a cor de cada caderno de questão para preencher o gabarito das provas. Segundo a presidente do Inep, Maria Inês Fini, a medida deverá aumentar a segurança do exame. No ano passado, o Enem teve suspeitas de vazamento em alguns Estados.

Em outra mudança, o Enem também deixará de ser usado como forma de certificação do nível do ensino para pessoas que deixaram de concluir os estudos no modelo regular.

Para isso, o MEC deve voltar a aplicar o Encceja (Exame Nacional de Certificação de Competências de Jovens e Adultos), tanto para quem deseja obter a certificação do ensino médio quanto da etapa anterior, o ensino fundamental. O Enem também deixará de ter, a cada ano, os resultados da nota do exame divulgados por escola, medida que acabava sendo utilizada como forma de comparação.

Fies

O MEC publicou no Diário Oficial da União (DOU) de ontem, portaria com as regras para a ocupação de vagas remanescentes do processo seletivo do Fundo de Financiamento Estudantil (Fies) referente ao primeiro semestre de 2017.

De acordo com o texto, as mantenedoras de instituições de ensino participantes da seleção devem acessar o Sistema Informatizado do Fies (Sisfies) para informar os cursos nos quais não houve formação de turma.

As empresas, segundo a portaria do MEC, são obrigadas a fornecer essa informação a partir de ontem até a próxima terça-feira, dia 14 de março.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Família Aguiar Martins em Jantar de parabéns ao Deputado Agenor Ribeiro

No último final de semana, a família Aguiar Martins, participou de um almoço comemorativo, como Deputado Estadual, que representa o Cari...