quinta-feira, 9 de março de 2017

governador promete aumento para cabos e soldados da PM


by amaury alencar
Em publicação no Facebook, o governador Camilo Santana (PT) assumiu "compromisso com os praças da Polícia Militar" para "um novo estudo" que avaliará acréscimo salarial. Assembleia vota hoje projeto de aumento


Governador Camilo Santana se comprometeu a realizar estudo para elaborar alternativas de ganho para cabos e soldados FÁBIO LIMAO governador Camilo Santana (PT) prometeu ontem realizar novo estudo para aumento de salários de cabos e soldados da Polícia Militar do Ceará. Compromisso ocorre um dia antes de votação na Assembleia Legislativa do projeto que irá equiparar salários de bombeiros e policiais do Estado com a média das categorias no Nordeste. Oposição diz que “não é nada efetivo” e que “espera que cumpra com a palavra.

No projeto a ser votado hoje, cabos e soldados recebem reajuste menor do que o de patentes mais altas. Segundo o governador, isso ocorre porque militares dessas graduações no Ceará já recebem acima da média da região. “Teremos militares estaduais com aumento salarial de até 50% até o fim do ano que vem. O menor aumento ficou para nossos cabos e soldados”, disse Camilo.


O governador promete realizar, no entanto, novo estudo para cabos e soldados logo após a aprovação da lei da média. “Mesmo após a aprovação da lei como está, será feito novo estudo especificamente para vocês (cabos e soldados). Nossa equipe econômica irá avaliar o que podemos acrescentar de ganho em seus salários”, escreveu.

Camilo destacou ainda participação do secretário da Segurança Pública, André Costa, no diálogo com a tropa e condução do processo. “Faço isso por reconhecer o trabalho digno que vocês têm realizado e os grandes resultados que têm alcançado”, afirmou.

Segundo o deputado estadual Capitão Wagner (PR), a promessa de Camilo “só comprova o que estamos discutindo na Casa” acerca do projeto de equiparação à média do Nordeste, que pouco contempla cabos e soldados. Ele questionou, porém, a consolidação do anunciado pelo governador.

“O que ele promete na mensagem é reavaliar (o reajuste) numa comissão. Nada efetivo, de que vai aprovar lá na frente. É esperar e ver se ele cumpre com a palavra”, disse Wagner. De acordo com o deputado, o reajuste para os soldados na equiparação da média do Nordeste será “de 3% divididos em três parcelas”, o que “não ajuda, quando o salário era pra ser de R$ 3.500 e está aprovando R$ 3.200 para 2018”.


Para Evandro Leitão (PDT), líder do governo na AL, a promessa de Camilo “contempla a categoria como um todo no sentido de que se possa equiparar a média salarial”. Ele ressalta que “lei das promoções,” aprovada na Casa, deixou “soldados e cabos acima da média salarial” da região.

“No entanto, o governador foi provocado por alguns desses soldados e cabos para serem contemplados.” (colaborou Daniel Duarte)
Saiba mais

Polícia Militar
Ação que equipara médias salariais de militares é demanda antiga das categorias. Nos últimos anos, o governador tem investido na concessão de benefícios para militares, incluindo a esperada lei de promoções que beneficiou quase doze mil agentes do Estado. As medidas integram esforço do governo para “pacificar” relações com policiais, após anos de polêmicas e relações tensas durante a gestão Cid Gomes (PDT).
CARLOS MAZZA
fonte O povo

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Realizada em Campos Sales e Salitre, IV SEMANA DA MATEMÁTICA DA URCA

De 12 a 14 de dezembro, a unidade da URCA de Campos Sales, realizou a IV SEMANA DA MATEMÁTICA DA URCA, com o tema: A MATEMÁTIC...