quinta-feira, 6 de abril de 2017

DATA ANTECIPADA FGTS: 2ª etapa de saques pagará R$ 136,2 mi a 139 mil cearenses



No Estado, 28 agências abrirão no sábado para o saque do segundo grupo, sendo 19 na Capital e 9 no Interior




Ao todo, serão 533.822 beneficiados com os saques das contas inativas do FGTS, com saldos totalizando R$ 518 milhões, segundo a Caixa Econômica

Brasília/Fortaleza. A Caixa Econômica Federal anunciou ontem a antecipação do início da segunda etapa dos saques das contas inativas do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) para os nascidos nos meses de março, abril e maio. Antes previstos para a próxima segunda-feira (10), os saques agora poderão ser feitos a partir deste sábado (8). No Ceará, 139.355 trabalhadores poderão sacar os recursos nesta segunda etapa, totalizando o montante de R$ 136,2 milhões.

LEIA MAIS

.Mais de 1,3% das retiradas foram feitas no Estado

.Construção teme falta de crédito com uso dos recursos

.Confira a lista de agências da Caixa que abrirão no sábado (8)

Ao todo, a medida que liberou o saque nas contas inativas do FGTS beneficiará 533.822 cearenses, cujos saldos somam R$ 518 milhões, de acordo com informações divulgadas pela Caixa Econômica Federal. O calendário de saques segue até julho, conforme a data de nascimento.

Em todo o Brasil, os saques começarão no sábado para 7,7 milhões de trabalhadores que têm R$ 11,2 bilhões a receber em contas inativas. Desse total, 2,3 milhões receberão automaticamente o dinheiro em conta corrente ou poupança por já terem relacionamento bancário com a Caixa. O grupo receberá crédito de R$ 2,9 bilhões no próprio sábado, dia 8.

No total, a liberação abrange 49,6 milhões de contas inativas, com saldo total de R$ 43,6 bilhões. Os saques devem beneficiar cerca de 30,2 milhões de trabalhadores. O número de trabalhadores aptos a sacar nesta fase é cerca de 60% superior ao da primeira fase, o que levou o banco a elevar o número de agências abertas no sábado.

Agências abrirão mais cedo

Para atender aos trabalhadores que sacarão os recursos, algumas agências da Caixa vão abrir neste sábado. Os saques acontecerão em 2,1 mil agências em todo o Brasil - que funcionarão das 9 horas às 15 horas - e outras 200 agências terão plantão com funcionários no autoatendimento, de acordo com informações da Caixa Econômica Federal.

Além disso, na segunda, terça e quarta-feira seguintes, as agências abrirão duas horas mais cedo. No Ceará, 28 agências estarão abertas para atender aos que vão realizar os saques das contas inativas no sábado, sendo 19 na Capital e 9 no Interior, distribuídas em Caucaia, Sobral, Crato, Aracati, Maranguape, Russas, Ibiapaba, Maracanaú e Pacajus.

Impacto

Mantido o ritmo de saques do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS), o programa de liberação dos recursos das contas inativas deverá injetar até R$ 36 bilhões na economia brasileira. A estimativa é ligeiramente superior à previsão anterior de R$ 35 bilhões. Mesmo com esse aumento, a previsão da equipe econômica é que o programa gerará impacto equivalente a 0 5% do Produto Interno Bruto (PIB).

"A expectativa sempre foi da ordem de R$ 35 bilhões. Se mantivermos esse desempenho, o número vai para R$ 36 bilhões. O número ainda está dentro da nossa expectativa", disse o presidente da Caixa, Gilberto Occhi, em entrevista coletiva para anunciar a segunda fase do programa de saques.

O presidente da Caixa lembrou que o governo trabalhava inicialmente com a expectativa de injeção de R$ 30 bilhões na economia do País.

Primeiro grupo

A primeira etapa de saques, para trabalhadores nascidos em janeiro e fevereiro, foi iniciada em 10 de março. Segundo informou a Caixa, foram 102 mil pagamentos no Estado, totalizando aproximadamente R$ 80 milhões. No País, a primeira etapa dos saques inclui 4,8 milhões de trabalhadores, em um montante de quase R$ 7 bilhões, o equivalente a 15,9% do total disponível.

De acordo com Gilberto Occhi, 85% do dinheiro liberado na primeira fase já foi sacado. Mesmo com o prazo final para o saque desse grupo terminar apenas em junho, os saques já superaram a previsão original do banco, de saque de 80% do dinheiro.

Quem pode sacar

O trabalhador que pediu demissão ou foi demitido por justa causa até 31 de dezembro de 2015 pode sacar o saldo de sua conta do FGTS, respeitado o calendário elaborado pela Caixa. Valores até R$ 1.500 podem ser sacados no autoatendimento, somente com a senha do Cidadão. Para valores até R$ 3.000, o saque pode ser realizado com o Cartão do Cidadão e senha no autoatendimento, lotéricas e correspondentes Caixa. Acima de R$ 3.000, os saques devem ser feitos nas agências.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Aposentado já pode consultar 1ª parcela do 13º salário O INSS (Instituto Nacional do Seguro Social) começou a liberar nesta sext...