terça-feira, 4 de abril de 2017

Valdetário escolhido pela OAB para CNJ

Brasília/Sucursal.
 Os conselheiros da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) elegeram, ontem, em votação nominal, dois representantes da advocacia no Conselho Nacional de Justiça (CNJ). O conselheiro federal e ex-presidente da OAB Ceará, Valdetário Andrade Monteiro disputou o cargo com mais oito candidatos e foi escolhido, por 28 votos, a assumir uma das duas cadeiras no CNJ. A outra vaga será preenchida pelo advogado André Godinho, do estado da Bahia.
O presidente nacional da OAB, Cláudio Lamachia, presidiu a eleição do conselho e destacou a votação expressiva: "Tenho convicção de que Valdetário fará um trabalho excelente no âmbito do CNJ, pelo seu compromisso e comprometimento com as causas da OAB, e também com as causas da cidadania". De acordo com Valdetário, a sua experiência como presidente da OAB/CE por dois mandatos seguidos e os mais de 20 anos dedicados ao Conselho Federal ajudaram no resultado. "Tenho certeza que toda minha experiência contribuirá para trazer efetividade a justiça", garantiu. O advogado defendeu que é preciso dar agilidade à justiça. "Temos um Poder Judiciário que julga muito, mas o volume de processo não faz com que o cidadão sinta essa celeridade", avaliou.
Para o conselheiro federal, Ricardo Bacelar, a escolha do Valdetário representa uma grande satisfação ao ver o Ceará despontar no cenário jurídico nacional.
Pela lei, os dois conselheiros eleitos precisam passar pela avaliação dos senadores na CCJ do Senado e aprovado, por maioria absoluta, no plenário da Casa. Logo em seguida, será encaminhada para sanção do Presidente da República.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Petrobras anuncia revisão de reajustes no preço do gás

Após a disparada nas cotações do gás de cozinha – que subiram 84% para os distribuidores só este ano, dos quais 70% desde o início de junho ...