sexta-feira, 4 de setembro de 2015

Toda a cidade de Fortaleza e parte dos municípios da Região Metropolitana ficarão sem água, temporariamente, amanhã (4). Para a realização de obras no sistema de abastecimento, a Companhia de Água e Esgoto do Ceará (Cagece) suspenderá, das 6h às 18h, o fornecimento do recurso para a Capital, Caucaia, Maracanaú e Eusébio, além do Conjunto Novo Maranguape e do distrito de Pedras, em Itaitinga. Mais de 3,2 milhões de pessoas devem ser afetadas pela interrupção do serviço. A previsão é que o funcionamento da rede seja totalmente normalizado até o sábado (5).
De acordo com informações da Cagece, a intervenção programada consiste na interligação de uma nova tubulação, que promete garantir maior pressão e vazão ao sistema da região leste de Fortaleza, beneficiando bairros como Cidade 2000, Guararapes, Dunas, Aldeota, Dionísio Torres e Benfica.
Josineto Araújo, diretor de operações da empresa, explica que os locais contemplados não apresentam problemas regulares de abastecimento, mas destaca que a melhoria na área poderá impactar no abastecimento de outros pontos da cidade.
Conforme ele, Mesmo com a paralisação do serviço no início da manhã, é possível que determinadas residências continuem tendo acesso à água por um curto período de tempo. "A partir do momento que fizermos os desligamento, ainda estaremos distribuindo, então, durante duas ou três horas, ainda vai ter água chegando em alguns locais", observa Araújo. A previsão, contudo, é que o fornecimento seja retomado por completo apenas quando a obra for concluída.
Operação
O diretor afirma que a rede voltará a operar imediatamente após o término do trabalho. No entanto, como o sistema funciona por pressão, a distribuição será normalizada gradativamente. Nos bairros situados em áreas centrais, a água chegará com maior rapidez. Nas áreas elevadas ou distantes das Estações de Tratamento, o reabastecimento deve demorar mais.
Segundo a Cagece, o equilíbrio total do sistema poderá ocorrer até as 18h do sábado (5). "Já solicitamos que as empresas responsáveis pelo serviço busquem eficiência para reduzir os prejuízos", afirma Araújo.
Em paralelo ao trabalho da Cagece, a Companhia Energética do Ceará (Coelce) também realizará intervenções no sistema de abastecimento de água. De acordo com a assessoria de comunicação da empresa, serão executadas manutenções em uma linha de transmissão entre estações de tratamento. O objetivo é evitar que problemas de energia elétrica prejudiquem o fornecimento.
Recomendações
Caso o abastecimento não seja retomado no tempo esperado, os moradores devem acionar a empresa por meios dos canais de atendimento ao cliente. "Assim, nós poderemos identificar o problema e enviar uma equipe para averiguar. A Cagece recomenda que, durante a suspensão do serviço, a população procure utilizar o recurso de forma consciente e moderada, dando preferência ao consumo humano e evitando desperdícios.
Mais informações
Para entrar em contato com a Cagece, ligue para 0800.275.0195 FREE, acesse www.cagece.com.br ou use o aplicativo Cagece Mobile

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Petrobras anuncia revisão de reajustes no preço do gás

Após a disparada nas cotações do gás de cozinha – que subiram 84% para os distribuidores só este ano, dos quais 70% desde o início de junho ...