quarta-feira, 19 de julho de 2017

Aumenta o número de casos de doença meningocócica no Ceará



O boletim epidemiológico sobre meningites divulgado pela Secretaria de Saúde (Sesa/CE), nesta segunda-feira (17) apresenta um crescimento de casos da doença meningocócica (DM) no Ceará em 2017. O número de casos, até este mês, já superam todos os casos ocorridos no ano passado


A doença é considerada de grande relevância para a saúde pública devido sua gravidade e potencial para causar epidemias. Neste ano foram 24 casos confirmados contra 20 no ano passado.


A bactéria Neisseria meningitidis é a causadora da doença que pode ser rapidamente fatal. Seus sintomas iniciais são febre alta, dor de cabeça, vômitos, manchas vermelhas na pele, dor e dificuldade na movimentação do pescoço (rigidez de nuca).


Conforme a Secretaria de Saúde, a taxa de letalidade da doença aumentou nos últimos anos Em 2016 o índice ficou em 35%, contra 19,05% do ano anterior. Neste ano, com sete mortes confirmadas – o mesmo número do ano passado – a taxa está em 29,17%.


Quanto a meningite, foram confirmados 185 casos no Estado em 58 dos 184 municípios este ano, com 17 mortes. Em 2016 foram 29 óbitos. A faixa etária onde a doença mais prevalece é de 35 a 49 anos e a letalidade na faixa etária de menores de um ano

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Petrobras anuncia revisão de reajustes no preço do gás

Após a disparada nas cotações do gás de cozinha – que subiram 84% para os distribuidores só este ano, dos quais 70% desde o início de junho ...