quinta-feira, 25 de maio de 2017

Carros-pipas suspensos em seis municípios

A Cedec aguarda a liberação total de R$ 20 milhões do Ministério da Integração Nacional para retomar o serviço
00:00 · 25.05.2017 por Honório Barbosa - Colaborador
Image-0-Artigo-2246010-1
Sem o fornecimento de água por parte da Defesa Civil, as populações afetadas, como a de Pereiro, estão se virando como podem; uma das alternativas é pagar R$ 30,00 por mil litros fornecidos por caminhões particulares ( Foto: Honório Barbosa )
Iguatu. Moradores das cidades de Pereiro, Boa Viagem, Pedra Branca, Alto Santo, Campos Sales e Iracema enfrentam grave crise de abastecimento. Os reservatórios secaram e a dependência por caminhões-pipas aumenta a cada semana. Nos últimos dias, o quadro complicou-se com a suspensão da distribuição de água nas áreas urbanas por veículos contratados pela Comissão Estadual de Defesa Civil (Cedec), que aguarda repasse de recursos do Ministério da Integração Nacional.
A descontinuidade no fornecimento de água varia entre as cidades. Em Pereiro, por exemplo, desde janeiro passado que os caminhões pipa que deveriam abastecer 13 reservatórios de cinco mil litros espalhados pela cidade foram suspensos. "Já solicitamos a retomada do serviço, mas ainda não temos uma resposta", disse o secretário de Meio Ambiente e coordenador da Comissão Municipal de Defesa Civil (Comdec), Jobenemar Carvalho dos Santos. "Estamos com o caminhão do PAC atendendo os órgãos públicos".

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ministério da Fazenda autoriza aumento das tarifas de serviços dos Correios Matéria   14:12:00     Brasil O Ministério da Fazend...