terça-feira, 1 de dezembro de 2015

Raniel Pereira em busca de representar Potengi na Seleção Cearense de Kung Fu nos dias 10 e 13 de dezembro


Atleta Raniel 
De Potengi para o Brasil. Nestes dias, dois atletas Potegienses participaram do treinamento coletivo da Federação Cearense de Kung Fu Wushu (FCKW). A atividade aconteceu em Fortaleza-CE, e teve o intuito de prepara a equipe dos atletas que representarão o Ceará no evento nacional dessa modalidade esportiva.

Os Dois dos lutadores de Potengi são das categorias juvenis. Eles integram a equipe principal da Federação. Sendo Raniel Pereira Lima na Categoria Juvenil até 70 Kg e Antonio Rocha na Categoria Juvenil até 52Kg, foram selecionados como os melhores em suas categorias nas vagas disputadas por vários atletas do Ceará.

Os Dois atletas Potegienses conquistaram o titulo de Campeões Cearense de Kung Fu 2015, após esse saldo positivo terão mais um desafio pela frente, o Campeonato Brasileiro de Kung Fu. Caso conquistem boas colocações irão se classificarem para o Sul-americano do próximo ano.A arte marcial vem ganhando força na cidade de Potengi, apesar das dificuldades enfrentadas pelo Mestre Batista, ele e sua equipe vêm superando e trazendo ótimos resultados para o esporte Potigienese, trazendo historias para nosso município.Tudo é fruto do bom trabalho que ta tendo no Projeto Social de Artes Marciais que vem sendo desenvolvido com a força do Mestre e o apoio da Prefeitura de Potengi. O crescimento desse esporte tem trazido resultados expressivos.

A equipe através do Mestre Batista solicitou que pedíssemos a colaboração da comunidade e de todos comerciantes no quer diz respeito a patrocínio, pois nossos atletas são de origens humildes e seus familiares não possuem condições de custear suas despesas na viajem para São Paulo onde representaram Potengi e o Estado do Ceará na Competição Nacional dessa modalidade esportiva. Pois somente com a ajuda financeira de quem poder ajudar e quer os nossos atletas viajaram e não ficaram de fora do referido evento.

.”Estamos tentando levar nossos atletas que possuem índice para participar do Campeonato Brasileiro. Mas o custo é muito alto e os alunos não têm condições, pois são de origem pobres e a família humildes. Se não conseguirmos levar para o evento, eles acabaram perdendo a motivação e até desistem do esporte. Além do trabalho esportivo que estamos fazendo com essas crianças e jovens, também estamos trabalhando-os como cidadãos. É duro vê-los desistir do esporte. Isso é de partir o coração" – Fala o Mestre Batista.

Receberemos a ajuda aqui na Radio de quem poder ajudar com qualquer custo, caso não possam vir até aqui, basta nos ligar que iremos pegar. Eles viajaram dia 07 de dezembro. A ajudá será recebida até o dia 05 de dezembro.

Por: Edson Veriato.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Papa pede clero unido no Brasil diante de “escandalosa corrupção” “Tenho certeza de que o Brasil superará sua crise e confio que vocês a...