quinta-feira, 22 de junho de 2017

Após seis dias preso, humorista suspeito de agredir esposa é liberado


Como houve o flagrante da lesão corporal, ele deve responder em liberdade



Atualizada às 00h3min

Após seis dias preso suspeito de agredir a própria esposa, o humorista José Iramar Augusto Aristóteles, conhecido como Hiran Delmar, ganhou a liberdade na tarde desta quarta-feira, 21.

O POVO apurou que ele esteve no Juizado de Violência Doméstica e Familiar contra a Mulher de Fortaleza, no bairro Benfica. Conforme a fonte, no juizado houve uma audiência em que Hiran participou e a esposa também prestou depoimento.

O humorista deve responder por lesão corporal, já que houve o flagrante. O suspeito de violência doméstica deve cumprir as medidas cautelares e também uma medida protetiva, para não se aproximar da esposa. Houve um acordo.

O presidente da Associação Cearense de Humor, o comediante Lailtinho Brega, confirmou a liberação do humorista Hiran Delmar, que está em casa. Lailtinho lamentou a situação. Ele diz que as mulheres não devem perder o medo de denunciar e que a ação "deve servir de exemplo" para que haja respeito com as mulheres.


O produtor Carlos Araújo, que acompanhou o casal, disse que no momento oportuno haveria um pronunciamento oficial sobre o caso.

O caso

O humorista estava preso desde a último quinta-feira, 15. O caso de violência doméstica foi registrado na Delegacia de Defesa da Mulher (DDM). Segundo a Polícia Civil, a prisão em flagrante foi pelos crimes de lesão corporal, além da injúria e a ameaça. O crime foi praticado no bairro São João do Tauape.

Segundo a Polícia Civil, no depoimento da vítima, os dois discutiram por telefone quando ela estava no hospital, onde levou a filha para uma consulta. "De acordo com a vítima, quando chegou em casa, o marido puxou os cabelos dela e deu dois tapas no rosto. A mulher se trancou no banheiro e ligou para a Polícia. Quando os policiais militares chegaram ao local, levaram Iramar e a esposa até a Delegacia de Defesa da Mulher (DDM)", informou a Polícia Civil por meio de nota.

A companheira do humorista foi submetida a exame de corpo de delito, onde foi confirmada a agressão sofrida.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Prefeitura de Juazeiro diz fazer levantamento para realizar concurso público Após ação pública movida pelo Ministério Público e acat...