terça-feira, 29 de novembro de 2016

CDL-Crato quer estender funcionamento do comércio até as 21 horas

Geraldo Pinheiro e Jose Lobo estiveram na câmara municipal hoje. (Foto: Flávio Pinto)
A Câmara dos Dirigentes Lojistas do Crato  (CDL-Crato) quer abertura do comércio no Centro da cidade no período noturno de forma permanente a partir de 2017. O presidente da entidade José Lobo e o representante da Federação  das Câmaras dos Dirigentes Lojistas do Ceará (FCDL), Geraldo Pinheiro estiveram nesta terça-feira  (29),  na Câmara Municipal apresentando o projeto aos vereadores.
Segundo Geraldo Pinheiro é preciso que a câmara anule projeto de lei aprovado na casa e possa votar um novo projeto, dessa vez, favorável. "Centro recebe muita gente no período noturno. Há condições do comércio absolver esse público desde que o município ofereça condições adequadas", disse Geraldo Pinheiro.
Entre as condições citadas pelo representante da FCDL está  a revitalização da área central, como uma nova iluminação pública, recuperação das praças, segurança pública, com apoio da Polícia Militar eda Guarda Civil, além de outras ações que possam garantir o funcionamento das lojas até as 21 horas.
"O Crato tem hoje uma das economias mais sólidas do estado. Somos a sétima maior economia e o maior gerador de emprego com carteira assinada. Então é preciso que esta casa dê atenção especial a nosso pedido", afirmou Pinheiro.
Os vereadores presentes na sessão ordinária desta terça-feira foram unânimes em apoiar a iniciativa. "Vamos procurar essa lei que impede o funcionamento até as 21 horas para fazer as alterações e modificar, se for o caso", concluiu o presidente da câmara, vereador Pedro Alagoano.
Também participaram da audiência na câmara municipal os empresários Laércio Teles e Ronaldo Fernando.

flavio pinto

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Prefeitura de Juazeiro diz fazer levantamento para realizar concurso público Após ação pública movida pelo Ministério Público e acat...