sexta-feira, 6 de julho de 2018

Número de mulheres com diabetes no Ceará cresceu 84% nos últimos 11 anos




Segundo levantamento do Ministério da Saúde, o índice de diagnóstico quase dobrou de 2006 a 2017



Por Tribuna





Fortaleza é a sexta cidade com o maior percentual de mulheres com diabetes (Foto: Agência Brasil)

O número de mulheres com diabetes no Ceará aumentou 84% de 2006 a 2017, segundo levantamento realizado pelo Ministério da Saúde. Duranta esses 11 anos, o índice de diagnóstico quase dobrou, passando de 4,4%, em 2006, para 8,1%, em 2017. As informações são da rádio Tribuna Band News FM.

A quantidade colocou Fortaleza na sexta posição, com o maior percentual da doença entre as mulheres. Para especialistas, o público feminino tem a maior facilidade de acumular gordura em comparação aos homens.

O médico Igor de Oliveira explica que o crescimento deve-se à facilidade das mulheres de acumular gorduras e de atingir o sobrepeso. Para ele, é um fator importante para o desenvolvimento da doença.



“As mulheres procuram mais os médicos, então as que estão com diabetes descobrem mais cedo, enquanto os homens procuram menos e levam as doenças por mais anos. Outra questão é que as mulheres têm maior facilidade de ficar acima do peso do que os homens”, explicou.

Homens com diabetes

O aumento também foi perceptível no público masculino. Ainda conforme o mesmo levantamento, o número de homens diagnosticados com diabetes cresceu 56,8% no mesmo período. Em comparação a outras capitais do País, a população masculina também se destaca com uma das maiores taxas de diagnósticos de diabetes no ano passado, com 7,6%.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Partidos devem deixar convenções para a última hora

Com costuras eleitorais ainda indefinidas, as legendas têm preferido deixar as convenções partidárias para a última hora. A três dias do iní...