quinta-feira, 15 de dezembro de 2016

Mais de 13,5 milhões de famílias podem sacar o pagamento de dezembro do Bolsa Família


Nos últimos sete meses, o Bolsa Família foi reforçado. O presidente Michel Temer autorizou um reajuste de 12 e meio por cento no valor do benefício médio. Fazia dois anos que o programa não recebia um aumento. O programa também está sendo reforçado por outras ações. O Criança Feliz vai ajudar as famílias a estimular o desenvolvimento dos filhos com o acompanhamento periódico de visitadores.

Crianças estimuladas da maneira correta se tornam adultos mais preparados para vencer a pobreza. Outra ação que será lançada é uma estratégia de inclusão produtiva. A ideia é dar condições para que os beneficiários do bolsa família possam se tornar empreendedores através da capacitação profissional e de linhas de crédito para investimento.

O pagamento do Bolsa Família respeita um calendário predeterminado. Para saber quando vai receber, o beneficiário deve observar o Número de Identificação Social, o NIS, impresso no cartão do programa. O beneficiário que tiver o número com final 1, pode sacar no primeiro dia.

Os com final 2, no segundo dia e assim por diante. Os recursos ficam disponíveis para saque por três meses. O valor pago para cada família varia de acordo com a renda, o número de pessoas que moram no domicílio e a idade de cada uma delas.
Ivanildo Souza

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ministério Público defende banco de informações sobre medidas alternativas à prisão

O Ministério Público Federal enviou documento ao Conselho Nacional de Justiça em que defende a criação de um banco de dados sobre medidas al...